Campo Grande (MS), Sexta-feira, 01 de Março de 2024

ECONOMIA

Escritórios Verdes, da JBS, regularizam 8 mil fazendas e ampliam em 57% o atendimento a produtores rurais

A meta é aumentar em 50% o suporte para fazendas em 2024, priorizando o atendimento ao pequeno produtor. Em nova fase, programa mira contribuir com aumento da produtividade

01/02/2024

07:15

ASSECOM

O programa dos Escritórios Verdes da JBS, uma das maiores empresas de alimentos do mundo, alcançou a marca de 8 mil regularizações socioambientais de fazendas no Brasil. Somente em 2023, a iniciativa contabilizou um total de 4 mil regularizações de fazendas e atingiu o marco de 2.300 hectares direcionados para recomposição florestal. Para este ano, a meta da empresa é alcançar 12 mil regularizações e priorizar o atendimento ao pequeno produtor. 

Entre as 8 mil regularizações realizadas, 47% são de pequenas propriedades. Visando apoiar principalmente os pequenos produtores para além da solução de passivos ambientais, no fim do ano passado a JBS lançou os Escritórios Verdes 2.0. 

“A tecnologia aumenta a produtividade, a renda e torna a produção mais sustentável”, afirma Liège Correia, diretora de Sustentabilidade da JBS Brasil. “Com os Escritórios Verdes 2.0, ofereceremos ferramentas para que o produtor tenha acesso a práticas e técnicas de produção regenerativa e sistemas agroflorestais integrados”, completa.

Segundo a executiva, a Companhia adotou uma estratégia de enfrentamento ao problema do desmatamento que vai além do bloqueio dos produtores que não estão em conformidade com a política de compras da empresa. “Entendemos que esta questão setorial relacionada ao desmatamento só terá uma solução se atuarmos de forma conjunta com os pecuaristas e pequenos produtores, oferecendo soluções efetivas e promovendo a assistência técnica para aqueles que desejam fazer a regularização. E os resultados que estamos alcançando nos Escritórios Verdes comprovam que se trata de uma estratégia acertada”, afirma. 

A executiva explica que, em cerca de três anos de existência dos Escritórios Verdes, já foram efetuados mais de 22 mil atendimentos a produtores rurais, sendo que 9 mil aconteceram só em 2023, representando um crescimento de 57% quando comparado ao ano anterior. 

Atualmente, a JBS monitora diariamente mais de 70 mil potenciais fazendas fornecedoras de gado. Quando uma propriedade é identificada com qualquer tipo de não-conformidade com os critérios socioambientais da Política de Compras Responsáveis da JBS, há o bloqueio imediato no sistema de compras da companhia. Neste momento, o trabalho dos Escritórios Verdes oferece apoio para compreender e apoiar aqueles produtores que queiram percorrer o caminho da sustentabilidade rumo à regularização das suas áreas.

O programa teve início com escritórios nos estados do Pará, Rondônia, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. A partir do amadurecimento da iniciativa e do aumento da demanda por parte dos produtores, o programa foi expandido, chegando ao Acre e ao Tocantins. 

Sobre a JBS

A JBS é uma das maiores empresas de alimentos do mundo. Com uma plataforma diversificada por tipos de produtos (aves, suínos, bovinos e ovinos, além de plant-based), a Companhia conta com mais de 270 mil colaboradores, em unidades de produção e escritórios em todos os continentes, em países como Brasil, EUA, Canadá, Reino Unido, Austrália, China, entre outros. No Brasil, a JBS é uma das maiores empregadoras do país, com 152 mil colaboradores. No mundo todo, a JBS oferece um amplo portfólio de marcas reconhecidas pela excelência e inovação: Friboi, Seara, Swift, Pilgrim’s Pride, Moy Park, Primo, Just Bare, entre muitas outras, que chegam todos os dias às mesas de consumidores em 190 países. A empresa investe em negócios correlacionados, como couros, biodiesel, colágeno, higiene pessoal e limpeza, envoltórios naturais, soluções em gestão de resíduos sólidos, reciclagem e transportes, com foco na economia circular. A JBS conduz suas operações priorizando a alta qualidade e a segurança dos alimentos e adota as melhores práticas de sustentabilidade e bem-estar animal em toda sua cadeia de valor, com o propósito de alimentar pessoas ao redor do mundo de maneira cada vez mais sustentável.


Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Últimas Notícias

Veja Mais

Envie Sua Notícia

Envie pelo site

Envie pelo Whatsapp

Municípios

Rebouças Renascença Reserva Reserva do Iguaçu Ribeirão Claro Ribeirão do Pinhal Rio Azul Rio Bom Rio Bonito do Iguaçu Rio Branco do Ivaí Rio Branco do Sul Rio Negro Rolândia Roncador Rondon Rosário do Ivai Sabáudia Salgado Filho Salto do Itararé Salto do Lontra Santa Amélia Santa Cecília do Pavão Santa Cruz Monte Castelo Santa Fé Santa Helena Santa Inês Santa Isabel do Ivaí Santa Izabel do Oeste Santa Lúcia Santa Maria do Oeste Santa Mariana Santa Mônica Santa Tereza do Oeste Santa Terezinha de Itaipu Santana do Itararé Santo Antônio da Platina Santo Antônio do Caiuá Santo Antônio do Paraíso Santo Antônio do Sudoeste Santo Inácio Sapopema Sarandi Saudade do Iguaçu São Carlos do Ivaí São Jerônimo da Serra São João São João do Caiuá São João do Ivaí São João do Triunfo São Jorge d'Oeste São Jorge do Ivaí São Jorge do Patrocínio São José da Boa Vista São José das Palmeiras São José dos Pinhais São Manoel do Paraná São Mateus do Sul São Miguel do Iguaçu São Pedro do Iguaçu São Pedro do Ivaí São Pedro do Paraná São Sebastião da Amoreira São Tomé Sengés Serranópolis do Iguaçu Sertanópolis Sertaneja Siqueira Campos Sulina Tamarana Tamboara Tapejara Tapira Teixeira Soares Telêmaco Borba Terra Boa Terra Rica Terra Roxa Tibagi Tijucas do Sul Toledo Tomazina Três Barras do Paraná Tunas do Paraná Tuneiras do Oeste Tupãssi Turvo Ubiratã Umuarama União da Vitória Uniflor Uraí Ventania Vera Cruz do Oeste Verê Vila Alta Virmond Vitorino Wenceslau Braz Xambrê

ParanAgora © 2021 Todos os direitos reservados.

PROIBIDA A REPRODUÇÃO, transmissão e redistribuição sem autorização expressa.

Site desenvolvido por: